3 de mai de 2011

A Questão da Terra no Brasil e o MST

Atividade do 2º ano

Estamos estudando a questão da terra no Brasil ao longo de toda a nossa História, desde as sesmarias até o Movimento dos Sem Terra (MST). A desigualdade ao acesso à terra no país chega a ser uma enorme contradição, pois terra em abundância não nos falta.

A atividade é ler o texto o "MST não dá trégua a Dilma e faz 70 invasões no 'Abril Vermelho'" (CLIQUE AQUI PARA LER)  e depois responder no comentário as seguintes reflexões sobre o tema:

Pela leitura do texto como podemos descrever a atual situação do MST no Brasil  e da reforma agrária no país? Qual o comparativo entre o governo Lula e o governo Dilma?

12 comentários:

  1. Pedro Rodrigo Tarcisio4 de maio de 2011 11:27

    podemos perceber que as invasões do MST aumentaram drasticamente a quantidade, mas a força já não é mais a mesma! podemos perceber também que as invasões são frequentes no mês de abril, por isso é chamado de Abril Vermelho...ou seja, com relação do governo de Dilma ao governo de Luis Inacio popularmente conhecido como Lula, percebemos que as invasões do MST estão mais enfraquecidas, mas a quantidade de invasões estão maiores ( um pouco mais do triplo)

    ResponderExcluir
  2. Bárbara Ávila Nº 5
    Mariane França Nº14

    Podemos analisar que o MST em determinado período ele vem crescendo, mas ao mesmo tempo diminuindo pelo aumento da classe média e como está no texto “Não podemos ser economicistas e fazer uma relação direta entre esses fatores e o número de famílias acampadas. Claro que esses fatores têm influência, mas há outros elementos. O mais importante é a lentidão da reforma agrária, que deixa as famílias sem motivação para acampar”,

    ResponderExcluir
  3. Rafael e Gabriel4 de maio de 2011 11:34

    O MST(Movimento dos sem terra) é muito presente em nosso país o que não é muito legal, pois, eles não tem moradia, no caso as terras, e as invadem. Pessoas inocentes que são donos dessas mesmas ficam sem reação pois o governo não faz muita coisa a respeito. A reforma agrária distribui terras,procura deixar menos traços de desigualdade no país. Boa parte de renda dessas pessoas vem do governo que ''financia'' o MST.
    O ex-presidente Luís Inacio Lula da Silva dava mais dinheiro ao MST para eles não fazerem ''barulho'', já Dilma Rousseff, não contribui com tanto vigor com os mesmos.
    Rafael n°19 Gabriel n°9

    ResponderExcluir
  4. Jorge Senne e Andrew Ramos4 de maio de 2011 11:34

    Em 2003, o MST tinha mais chances de alcançar a reforma agraria,pois apesar de terem poucas invasoes, essas invasoes sao fatos isolados e nao interferem na reforma agraria, e sim um movimento organizado e bem elaborado.
    Com a reforma agraria, o MST quer fazer uma distribuiçaio de grandes lotes de terra que nao sao bem aproveitados às familias que nao tem.

    ResponderExcluir
  5. Alícia Rocha Dalilo4 de maio de 2011 11:39

    Em relação ao governo Lula o MST não deu tréguas ao governo Dilma, começando com um numero bem maior de invasões sendo em 2003, começo de Lula, 23 invasões enquanto no atual governo cerca de 70 invasões.

    A política de conciliação de interesses desencadeada por Lula não dá espaço para a execução da reforma agrárias, e o governo Dilma tem condições melhores de avançar nessa reforma pois as forças sociais da classe trabalhadora tiveram um peso grande na eleição de Dilma e na base social que sustenta as medidas populares do governo.

    (Resposta baseada no Texto do link)

    Alícia Oliveira Milhorance nº01
    Danilo da Silva Lisboa nº07
    Rodrigo Rocha Nogueira nº21

    ResponderExcluir
  6. Clarice e Letícia4 de maio de 2011 11:39

    Clarice Marcondes nº 06 2º E.M.
    Letícia Povoleri nº 12

    O MST vive uma situação difícil e contraditória. Difícil pois sua base principal vêm se extinguindo, pela Bolsa Família, aposentadorias e pelos empregos nas periferias. Isso faz com que o apelo pela luta acabe pois todos recebem coisas de graça. Contradição, pois o MST está vivendo do repasse de verbas públicas. No governo Lula teve espaço para reforma agrária, foram mais de 500 invasões, já no governo Dilma não está havendo esse trabalho para reforma agrária, no governo Lula era uma ajuda de interesses.

    ResponderExcluir
  7. Penelope Stephanie Yan4 de maio de 2011 11:40

    O MST atualmente teve um número menor de invasões do que de costume, pois eles não estão recebendo novas famílias, graças ao projeto Bolsa Família, as pessoas não estão mais necessitando tanto dessas manifestações e as ideias a favor da reforma agrária que eles tem parecem que não iram para a frente nesse governo já que a Dilma não está pretendendo fazer uma reforma agrária.
    No governo do Lula houve uma trégua por parte do MST que diminuiu as invasões como “acordo” com o governo lulista. Já no governo da Dilma essa trégua não foi feita e o MST pretende continuar com mais força para pressionar a presidenta a fazer uma reforma agrária.

    ResponderExcluir
  8. Ananda/Maria Letícia/Mariane G.4 de maio de 2011 11:40

    A situação do MST no Brasil apesar de ter mais invasões no ''Abril Vermelho'' no mandato de Dilma ele perdeu a eficiência comparado com o mandato de Lula, porém, o ritmo das invasões mostrou grandes recuperaçãoes neste mes de abril!

    Ananda Ribeiro Mira nº03
    Maria Letícia nogueira bento nº13
    Mariane m. Guimarães Rocha nº15

    ResponderExcluir
  9. O MST vem perdendo sua força com o tempo,pois sua base é a pobreza,e com os projetos sociais,como o bolça familia ,causou uma significativa diminuição de pessoas carentes que possivelmente se intregariam ao movimento.
    A reforma agrária vem sendo adiada durante os anos, pois o governo da beneficios para os individuos que fazem parte do MST,como forma de cala-los.
    Se compararmos o governo Lula com o governo Dilma percebemos que houve um grande aumento das invasões do MST.



    Amanda nº02 Édson nº08

    ResponderExcluir
  10. Apenas do primeiro ano de Lula,o MST fez 23 invasões. Mais com a eleição de Dilma para presidente o MST encontra-se enfraquecido.
    Para a integrante da coordenação nacional da CPT, ainda não é possível falar em retomada das ações do MST, as 70 invasões anunciadas pelo movimento indicam que 2011 vai superar 2010, quando os movimentos rurais realizaram apenas 180 invasões em todo o período, o menor número da década.

    POdemos conluir entao que o Lula dava mais apoio ao MST para eles nao fazerem tanto "barulho" , ja a Dilma nao apoia tanto como a Dilma .
    willian n°24
    Jean n°10

    ResponderExcluir
  11. 100 postagens não é pra qualquer um não. Um dia, ainda chego lá! Até!

    ResponderExcluir
  12. o mst e verdadeiramente um tipo de rebelião, atraves dos sem terra pois eles querem os seus direitos.

    ResponderExcluir

Por favor, coloque seu nome e alguma identificação (cidade, profissão ou instituição).

Se for aluno do RAFAEL, coloque seu nome e série !

Os comentários NÃO são publicados diretamente no BLOG !!! Primeiro eu leio, aceito e posteriormente eles entram no ar ! ! ! !

= ]