24 de fev de 2011

E o Egito, heim?

O Oriente Médio é uma região turbulenta desde os seus primórdios e todo o ano reaparece no centro dos noticiários com novos conflitos. Hoje parte do Oriente Médio e da África ganha destaque com uma onda revolucionária em prol democracia. Nessa postagem veremos a opinião de dois  alunos do 1º ano do Ensino Médio do INSA falando com destaque sobre o Egito, que depois de 30 anos se livrou da ditadura de Hosni Mubarak.

Ele se manteve no poder a 30 anos, em eleições fraudadas, em que a censura à imprensa e a oposição eram duramente reprimidas. Além do mais, ele era um ditador incompetente: seu governo falhava miseravelmente em garantir boas condições de vida para a população, razão pela qual estava saindo às ruas pedindo sua renúncia. É mais do que chegada a hora de o Egito ser uma democracia. Democracia e direitos humanos são valores universais e inegociáveis.” Agatha Tomassoni Santos

“Durante toda Historia Faraós/Presidentes/Ditadores também foram odiados por seus ‘seguidores’, mas se pararmos para pensar isso algum dia irá acabar? Para mim é uma pergunta com resposta incerta, porque o poder corrompe as pessoas e mesmo que sejam aprovadas com mais de 80% da população há coisas que nunca serão expostas, é por isso que o ‘amor é cego’ porque se não fosse nós iríamos ver seus defeitos. Mubarak foi mais um dos que foi corrompido e não se importou com o que poderia ocorrer. Um resumo de todo esse paralelo sempre terminará com o fim do poder e o começo de outro. Este ciclo vicioso que é difícil de ser quebrado e quando é quebrado ou reforçado é marcado na HISTÓRIA!” Fernando Paiva Ramos Nogueira.
Vale a pena ler o artigo da economista Miriam Leitão sobre a crise no Oriente Médio e as questões econômicas. CLIQUE AQUI.


Isso é só o começo, tem muita coisa para rolar no Oriente Médio ! Fique ligado !

6 comentários:

  1. otimo texto retrata bem a crise no atual egito e que agora está se extendendo para os outros países do oriente médio que tambem possuim ditadores de loga data.
    matheus almeida n 16 1 EM

    ResponderExcluir
  2. O Egito sempre foi de governos muito fracassados,então,com essa "grande revolução" em que os jovens foram fundamentais e estão sendo,acho que agora o país tomará um jeito e quem sabe voltará a ser como antigamente,com menos "confusões".

    ResponderExcluir
  3. Um otimo texto, bem elaborado.Retratam do egito atual,que como veêm nos notíciarios há mais conflitos entre outros paises do oriente médio,o Egito se revoltou ,com que fez que outros paises do oriente médio se revoltassem com a democracia colocada no governo atual deles.
    NOME:Lucas Savino N-13 Série:1EM

    ResponderExcluir
  4. Muito bom texto, retratando perfeitamente a situação do egito que vira e mexe está nos noticiários e sempre pelo mesmo motivo, conflitos.
    Um pais que viveu por 30 anos com eleições fraudadas e sem liberdade de expressão, ja estava na hora de acordarem né ?

    ResponderExcluir
  5. Mubarak e seu filho Gamal (que seria o sucessor) CAIRAM do poder, literalmente. Os jovens foram a luta, e conquistaram o que têm de mais precioso, democracia e direitos, como disse a Agatha.Quem não se emociona com cidadãos que pedem liberdade? O deslumbramento é tanto que chovem elogios à Irmandade, saudosa como a defensora da democracia e da justiça social.O sonho é que a liberdade e a democracia surjam de fato pela primeira vez em 4 000 anos de história , nas terras do Nilo.Mas o Egito tem muitos desafios pela frente para instalar uma Democracia. Vamos torcer por eles, pois nós já passamos por isso e conseguir de vez, conquistar o que é nosso.
    Viviane Dias, 1ºEM

    ResponderExcluir
  6. Realmente o que temos visto esses dias é que, o jovem tem a força pra mudar a sociedade, mas para isso temos que ter pessoas que estejam dispostas a lutar por seus direitos, coisa que os jovens do egito conseguiram com êxito.
    Isso é uma prova de que o mundo pode mudar...é só querermos.
    Nós temos o poder pra fazer a diferença =]
    Maria Claudia Pascoal da Silva n15 1EM

    ResponderExcluir

Por favor, coloque seu nome e alguma identificação (cidade, profissão ou instituição).

Se for aluno do RAFAEL, coloque seu nome e série !

Os comentários NÃO são publicados diretamente no BLOG !!! Primeiro eu leio, aceito e posteriormente eles entram no ar ! ! ! !

= ]